Coleções · Infanto-juvenil · Literatura Estrangeira · Resenhas

Coleção Desventuras em Série, de Lemony Snicket

“Se vocês se interessam por histórias com final feliz, é melhor ler algum outro livro. Vou avisando, porque este é um livro que não tem de jeito nenhum um final feliz, e em que os acontecimentos felizes no miolo da história são pouquíssimos. E isso porque  momentos felizes não são o que mais encontramos na vida dos três jovens Baudelaire cuja história está aqui contada. Violet, Klaus e Sunny Baudelaire eram crianças inteligentes, encantadoras e desembaraçadas, com feições bonitas, mas com uma falta de sorte fora do comum, que atraía toda espécie de infortúnio e desespero. Lamento ter que dizer isso a vocês, mas o enredo é assim, fazer o quê?”

1070004_4Escrita por Daniel Handler sob o pseudônimo Lemony Snicket, Desventuras em Série conta a história dos três irmãos Baudelaire, que enfrentam uma série eventos infelizes logo após a morte de seus pais num incêndio em sua própria casa. Quando ficam órfãos, são levados sob a guarda de um parente distante, o conde Olaf. A partir, suas desventuras têm início e, a cada livro, enfrentam uma nova série de desventuras.

Esse coleção é ótima. Mesmo sendo classificada como infanto-juvenil, ela oferece leitura agradável para leitores de qualquer idade, porque a escrita do autor é extremamente criativa e cheia de sarcasmos (como dá pra se ver no trecho da citação acima), com uma auto-depreciação pela história com um toque de humor que dá um tom muito divertido a toda obra.

São 13 livros no total (creio que pelo 13 ser considerado o número do azar): Mau Começo, A Sala dos Répteis, O Lago das Sanguessugas, Serraria Baixo-Astral, Inferno no Colégio Interno, O Elevador Ersatz, A Cidade Sinistra dos Corvos, O Hospital Hostil, O Espetáculo Carnívoro, O Escorregador de Gelo, A Gruta Gorgônea, O Penúltimo Perigo e O Fim. Todos ótimos!

Lemony Snicket escreve muito bem e toda a coleção é diversão na certa, até mesmo para os mais adultos, que compreenderão ainda melhor todo o sarcasmo, os absurdos e as referências literárias e culturais no decorrer da história (a começar pelo próprio sobrenome dos protagonistas, que faz alusão ao poeta Charles Baudelaire). Como o próprio autor disse, esse é um “romance gótico sobre crianças crescendo em situações terríveis” e, na minha opinião, ele conseguiu escrever uma boa história com essa premissa!

Enfim, Desventuras em Série é uma coleção para crianças (de idade ou de coração!) muito inteligente e divertida, que nos traz o que há de melhor na literatura infanto-juvenil.

Ah, os três primeiros livros viraram filme em 2004, sob o nome Desventuras em Série, com Jim Carey no papel do conde Olaf (na minha opinião, uma escolha certeira!). O filme também é muito bom!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s